DR. MARCELO TONIETTE

| CRP 06/49357-4
Psicólogo e Psicoterapeuta


CONSULTÓRIO |

(11) 3815-5467


WhatsApp |

(11)97498-7060


Rua Luminárias, 271 - Vila Madalena - São Paulo-SP

ARTIGOS

   

PSICOTERAPIA

um caminho para o autoconhecimento e promoção do bem-estar

 

 

Psicoterapia SP autoconhecimento e bem-estar

A Psicologia é uma ciência dedicada ao estudo do comportamento humano, levando em consideração pensamentos, sentimentos e emoções. A proposta do tratamento psicológico é incentivar a reflexão e a valorização dos direitos individuais, auxiliando a conquista do bem-estar, por meio do encontro da liberdade, autenticidade e responsabilidade, facilitando a vivência do processo de ser o autor do seu próprio projeto, promovendo a melhoria da qualidade de vida.


Seguindo um dos princípios fundamentais estabelecidos pelo Código de Ética Profissional do Psicólogo, a psicoterapia é uma prática baseada no respeito e na promoção da liberdade, da dignidade, da igualdade e da integridade do ser humano, apoiado nos valores que embasam a Declaração Universal dos Direitos Humanos.

A psicoterapia é prática do psicólogo, por se constituir, técnica e conceitualmente, um processo científico de compreensão, análise e intervenção que se realiza através da aplicação sistematizada e controlada de métodos e técnicas psicológicas reconhecidos pela ciência, pela prática e pela ética profissional, promovendo a saúde mental e propiciando condições para o enfrentamento de conflitos e/ou transtornos psíquicos de indivíduos ou grupos.

Resolução CFP nº 10/00, de 20 de dezembro de 2000.




QUEM É O PSICOTERAPEUTA?


Quando a psicoterapia é indicada por algum profissional, geralmente surge a dúvida do que se trata, como funciona, se deve procurar um psicólogo ou psiquiatra.


A psicoterapia é uma prática do psicólogo e do psiquiatra. O que difere esses dois profissionais é quanto a formação e a forma de trabalho. O psicólogo tem formação em curso superior em Psicologia, que dura 5 anos.


O aprimoramento da formação do psicólogo pode ser feito por meio de cursos de pós-graduação, ou mesmo pela supervisão junto a um psicólogo mais experiente.


O psiquiatra é um profissional que se graduou em Medicina e se especializou em Psiquiatria, podendo também se aprimorar em cursos de pós-graduação. Em casos que envolva crise severa, esse profissional pode prescrever medicamentos.



QUANDO PROCURAR AJUDA DE UM PSICÓLOGO?


Quando se fala em dor, geralmente se pensa em dor física, mas a dor emocional também existe. Quando essa dor emocional é recorrente e se acumula pode gerar quadros de ansiedade, depressão, estresse, entre outros sintomas que podem ser tanto emocionais quanto físicos.


A busca de ajuda especializada de um psicoterapeuta também acontece quando existe preocupação recorrente com alguma questão ou situação, que gera impactos no cotidiano da pessoa, como dificuldade de dormir, desmotivação, cansaço persistente, uso excessivo de álcool, cigarro ou mesmo de comida, além de problemas no campo profissional e nos relacionamentos de maneira geral, entre outros sintomas que levam a angústia e ao sofrimento, tais como:


estresse
depressão ou angústia
ansiedade
fobias ou medos
irritabilidade
timidez ou baixa autoestima
dificuldade de relacionamento social
sentimento de pressão por responsabilidades e dificuldades na vida
dificuldade afetiva e/ou sexual
dificuldade de tomar decisões
preocupação excessiva
dificuldade em se concentrar no trabalho e nas atividades do dia-a-dia
luto ou perda de uma pessoa importante
sentimento de desesperança ou solidão
mudanças bruscas de estado de humor
descontentamento profissional, entre outros

A psicoterapia também pode ser buscada como um caminho para o autoconhecimento e promoção do bem-estar.


A psicoterapia, além de solucionar problemas específicos, também favorece observar e lidar com questões existenciais. A motivação para a procura de psicoterapia geralmente acontece visando a melhoria do bem-estar ou mesmo focar em questões relacionadas ao momento de vida no qual a pessoa atravessa, seja por questões interiores, seja por questões de âmbito social, ou ambas.



COMO ENCONTRAR UM PSICOTERAPEUTA?


O psicoterapeuta pode ser encontrado por meio da indicação de outro profissional, amigo ou parente, ou mesmo por outros meios de comunicação.


É importante que o psicoterapeuta esteja devidamente credenciado junto aos conselhos profissionais, como o Conselho Regional de Psicologia (CRP) e o Conselho Regional de Medicina (CRM).


Visto que o psicoterapeuta e o cliente trabalham juntos, é fundamental que o profissional transmita confiança e que a pessoa se sinta confortável.  


É indicado que o cliente contate mais de um profissional para se decidir com qual inicia a psicoterapia.



COMO A PSICOTERAPIA FUNCIONA?


A modalidade de atendimento da psicoterapia pode ser individual, casal, familiar ou em grupo.


As sessões podem acontecer na forma presencial –quando o/a cliente se dirige ao consultório do/a psicólogo/a– ou na forma online –quando intermediada por computador, ou smartphone, com software de comunicação instalado, a exemplo do Skype e WhatsApp.


Geralmente o que se encontra no consultório do psicólogo é uma poltrona para o profissional e outra para o cliente. Alguns profissionais também possuem um sofá para atender casais, família ou grupos; ou mesmo divã, que é um móvel que permite que o cliente se deite.


As salas dos psicoterapeutas costumam ser ambientes tranquilos e acolhedores. Também existe o cuidado com a acústica para que se preserve aquilo que é dito ao longo da sessão de psicoterapia.


É comum se acreditar que a consulta psicológica consiste em um bate-papo. Na realidade, aquilo que o cliente trata na sessão de psicoterapia difere da conversa ou desabafo que se tem com alguém do círculo social, a exemplo de um familiar ou amigo.


A postura do psicólogo procura ser imparcial, sem julgamentos ou opiniões pessoais. A partir do cuidado e da escuta atenta, o profissional busca ajudar o cliente a perceber, compreender e encontrar a melhor forma de lidar com a questão que o levou a buscar ajuda psicológica.


A base de trabalho do psicoterapeuta é de fazer uso dos seus conhecimentos profissionais visando ajudar o cliente a perceber aspectos da sua personalidade e a identificar padrões de comportamento, além de incentivar reflexões e ajudar a dar sentido para aquilo que está sendo vivido.


Ao longo da psicoterapia também é trabalhado o desenvolvimento de habilidades e de recursos para ajudar no enfrentamento das dificuldades vividas, com vistas a encontrar caminhos e alternativas, potencializando a melhoria da qualidade de vida.


O trabalho do psicólogo não consiste em guiar a vida do cliente, dando respostas ou conselhos. A psicoterapia visa ajudar o cliente em trazer conteúdos e padrões desconhecidos para a consciência a fim de que encontre respostas que necess–ita.


A partir do autoconhecimento e da autoreflexão, o cliente amplia a compreensão do que está vivenciando, se fortalece, e torna possível a tomada de decisão, com vistas ao encontro do equilíbrio, da melhoria da qualidade de vida, assim como da melhoria dos relacionamentos socias.


Nas primeiras sessões acontece a avaliação da queixa do cliente, onde também é definido os objetivos da psicoterapia. Na sequência, os trabalhos serão voltados para promover o funcionamento ótimo da pessoa, permitindo que compreenda aquilo que a acomete e, com isso, desenvolva recursos internos para lidar com a dificuldade, problema, ou queixa apresentada.



CONFIDENCIALIDADE E SIGILO


Tudo aquilo que for falado pelo cliente na sessão de psicoterapia será mantido em estrita confidencialidade e sigilo, sendo que somente podem ser compartilhadas mediante consentimento prévio. Em alguns casos, o psicoterapeuta poderá ser supervisionado por outro psicoterapeuta que, por sua vez, também se compromete com a confidencialidade e sigilo profissional.


Em casos excepcionais, o Código de Ética dos Psicólogos e a Constituição Federal não garante confidencialidade e sigilo, no caso de situações de risco de vida do cliente ou de alguém próximo, ou ainda em situações em que crianças e adolescentes sejam expostos, a exemplo de abuso sexual ou físico, ou negligência.



QUAL É A FREQUÊNCIA DAS SESSÕES DE PSICOTERAPIA?


O atendimento psicoterapêutico acontece em horário previamente agendado. No caso de indicação de continuidade dos trabalhos, as sessões acontecem semanalmente, com duração 50 (cinquenta) minutos.


O cliente terá um dia da semana e horário fixados na agenda do psicoterapeuta. Na maior parte dos casos, a frequência das sessões é de uma vez por semana. Em situações que envolvam crise, ou sofrimento intenso, pode ser indicado a frequência de duas sessões semanais.



QUAL É A DURAÇÃO DA PSICOTERAPIA?


A psicoterapia pode ser de curta, média ou longa duração, sendo isso determinado pela natureza da queixa, sua complexidade e necessidades pessoais do cliente.


Não há um prazo pré-estabelecido para o término da psicoterapia.


A psicoterapia consiste na aplicação de métodos científicos que tendem a resolver a maioria dos casos e de problemas psicológicos. Seguindo o art. 20, do Código de Ética dos Psicólogos, é vedada a garantia de obtenção de cura por parte do profissional.


Ao longo das sessões, tanto o psicólogo, quanto o cliente, estão livres para avaliar o processo psicoterapêutico. O cliente pode informar ao profissional como está sentindo a evolução dos trabalhos a fim de realizar ajustes necessários, ou de manter a linha de trabalho.



COMO ACONTECE A FINALIZAÇÃO DA PSICOTERAPIA?


A finalização dos trabalhos acontece quando os objetivos iniciais forem alcançados e de acordo com a demanda apresentada pelo cliente. O psicoterapeuta e o cliente é que definirão, em conjunto, a finalização dos trabalhos.


Nesse momento de finalização, ou as sessões semanais são mantidas, ou é dado intervalo maior entre consultas, até uma data preestabelecida|.


Aquilo que foi conquistado pelo cliente ao longo do processo de psicoterapia servirá como base para que lide com outras possíveis situações ao longo da vida, em um permanente processo de autoconhecimento e promoção do bem-estar, tornando a vida melhor.





--------------------------------------------
É autorizada a reprodução e divulgação total ou parcial deste texto, por qualquer meio convencional ou eletrônico, para fins de estudo e pesquisa, desde que citada a fonte.
TONIETTE, Marcelo. Psicoterapia: um caminho para o conhecimento e busca do bem-estar. Disponível em: <http://www.matoniette.psc.br/artigos/psicoterapia-autoconhecimento-bem-estar.html>. Acesso em (dia/mês/ano).

 

CONSULTÓRIO

Consultorio Dr. Marcelo Toniette

 

Recepção - Consultório Dr Marcelo Toniette

DR. MARCELO TONIETTE | CRP 06/49357-4

Psicólogo, Psicoterapeuta e Terapeuta Sexual

Doutor e Mestre em Psicologia pela Universidade de São Paulo - USP

CONSULTÓRIO | (11) 3815-5467 / 3815-9620

WhatsApp | (11)97498-7060

Rua Luminárias, 271 - Vila Madalena

05439-000 - São Paulo-SP [Veja no GoogleMaps]

Copyright © 2018 Psic. Dr. Marcelo Toniette. Todos os direitos reservados.

^
topo
^
topo